quarta-feira, 5 de maio de 2021

Adeus saudade

Ouço a chuva bater na vidraça
Meus ouvidos ama essa canção
Sinto tua presença que me abraça
Estremece feliz meu coração
.
Até o vento assobiando lá fora
Agita minha alma que na verdade
Sente tua falta e baixinho chora
Vento, como tortura essa saudade!
.
Chuva e vento nas asas da natureza
Voa, levando para longe a incerteza
Confio no destino traçado por Deus...
.
Entreguei ao meu amor meu coração
O meu corpo intensamente com devoção
E para ti saudade, eu digo adeus!
.

Nádia Santos 

04/05/21

10 comentários:

  1. Soneto escrito de forma exemplar. LINDÍSSIMO
    Sem dúvida que entregar o coração à pessoa amada é divino.
    A saudade é mesmo de mandar embora. Poema fascinante
    .
    Cumprimentos poéticos
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  2. Boa noite de serenidade, querida amiga Nádia!
    "Sinto tua presença que me abraça
    Estremece feliz meu coração".
    Quem ama de verdade sente assim...
    Corremos o risco de chorar baixinho quando nos deixamos cativar, entregamos nosso 💙.
    Oxalá dêem valor sincero.
    Parabéns pela sensibilidade aguçada.
    Tenha um amanhecer abençoado!
    Beijinhos carinhosos e fraternos

    ResponderExcluir
  3. Por vezes é bom sentir saudade! :) Lindo poema, como sempre!
    .
    O pouso da ousadia...
    .
    Beijos
    Uma excelente tarde!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudade das boas recordações faz muito bem a alma🌷😘

      Excluir
  4. A saudade é um sentimento bem português, eu sinto saudades muitas vezes!! O teu poema ficou maravilhoso!! Feliz mês de Maio para ti, muita saúde e paz, beijinhos e fica bem!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão por seu comentário e visita Sandra. Seja bem vibda! Feliz Maio pra vc também 😘🌷🙏

      Excluir
    2. De nada, minha querida, obrigada a ti também pelos votos de bom mês de Maio, tudo de bom, muitos beijinhos!!

      Excluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos

Eu errei...

Eu já disse, eu te amo E escutei: eu te amo também! Eu já disse, eu te amo E escutei: eu gosto de você! Eu já disse, eu te amo E escute...