terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Desejos e emoções


Virando-me pelo avesso
Desejo uma entrega sem pensar
Sentir as pontas dos teus dedos
Arrepiando todos os meus pelos
Quero enlouquecer te amar!

Com um toque cheio de magia
Despertar em meu corpo sensações
Com um jeito atrevido e impetuoso
Prensa em um abraço vigoroso
Flutuarei nos desejos e emoções...

Nádia Santos
06/12/16

Um comentário:

  1. Que bonito poema , Nádia. Parabéns


    Beijos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos