quarta-feira, 8 de julho de 2015

Dias chuvosos

Os dias andam chuvosos
Nem sempre vejo o por-do-sol
Nem tão pouco vejo pintando
O céu de vermelho, o arrebol...

O tom predominante é o cinza...
E pouco a pouco, com lentidão,
A noite cobre tudo com
O véu... da escuridão...

Não veio a lua nem vieram
As estrelas para alegrar o meu olhar
E sem inspiração não consegui
O teu rosto imaginar...

Nádia Santos
08/07/15


9 comentários:

  1. Querida amiga

    Às vezes
    diante da chuva
    as palavras silenciam...

    Sua vida é preciosa para mim...

    ResponderExcluir
  2. Tomara que esses dias acabem logo.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Oxalá o sol volte, para alegrar teu coração, lindo poema.

    Beijos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Gosto dos dias cinzas, introspectivos, nos faz reler o nosso "eu", refletir... E isso nos torna pessoas melhores à luz do sol.

    ResponderExcluir
  5. Dias chuvosos inspiram lembranças tristes. Bela poesia!

    ResponderExcluir
  6. Oi Nádia,
    Não deixe que os dias chuvosos se tornem cinzentos, saia desse casulo, pois se você olhar para trás verá muito sofrimento maores que o seu.
    Beijos no coração

    ResponderExcluir
  7. Delirei com o poema que achei fantástico.
    Bjo

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos