sábado, 14 de março de 2015

Tempo

Hoje a manhã passou mais depressa que ontem... 
Mas a tarde brincou comigo de esconde-esconde 
e lentamente passou... trazendo o sol ainda mais belo... 
que adormeceu. E veio a lua, que lindamente, brilhou. 
Tudo passou! O tempo passou, levando com ele meus 
tantos passados e deixando meu presente na expectativa 
de um futuro que nem sei se vai chegar...

Nádia Santos

5 comentários:

  1. Bom dia Nádia

    Claro que o futuro chegará, é preciso calma.
    Gostei do poema.
    Beijo, bom sábado.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Como disse Cidália: claro que chegará, e chegará do jeitinho que teu deseja...

    ResponderExcluir
  3. É o ciclo, Nádia... traz mesmo essas sensações. Beijossss

    ResponderExcluir
  4. Tenha um pouquinho de paciência, Nádia...Afinal, sempre chegou, não é?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. A vida não para com este tempo veloz.
    É certo que sua vez virá.
    Beijos

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos