terça-feira, 4 de novembro de 2014

Hoje...

queria te dizer tantas coisas em silêncio... 
Apenas com o olhar. Mas como não posso
deixarei para ti uma poesia de um único verso:

Eu te amo.

Nádia

19 comentários:

  1. Lindo, Nádia!!
    Beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. E há verdade neste verso.
    Que assim seja Nádia.
    Meu abraço.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, Nádia.
    Tanta intensidade em tão pouco.
    Como você sabe fazer tão bem.
    bj amg

    ResponderExcluir
  4. Lindo, amiga Nádia. Um abraço. Tenhas uma linda tarde.
    Ah, boas chuvas!

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde poetisa..
    um olhar fala por uma antologia toda de versos quando direcionado com amor a quem amamos ou esperamos desejosos.. bjs meus querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disseste bem poeta... é bem assum. Bjus Samuel

      Excluir
  6. Boa tarde, o pequeno também se transforma em grande quando é sincero. foi o que amiga conseguiu, transformou a pequena palavra reveladora do seu grande sentimento.
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por vezes não é necessario dizer muito....
      AG... bjussss

      Excluir
  7. Lindo e regado de encanto.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  8. Oi Nádia vim te conhecer e gostei do que li e vi.Parabéns !
    Tenho um blog sobre minhas vivências em que posto algumas poesias tb. Apareça.
    Abraço carinhoso.

    ResponderExcluir
  9. Nádia: Amei Ler não é precisa escrever grandes Poema ou textos para dizermos aquilo que sentimos Basta aquilo que escrevestes no Final Eu te Amo.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos