quinta-feira, 5 de junho de 2014

Levaste um pouco de mim


Quando foste embora
Levaste um pouco de mim 
Não sei se tanto ou se tão pouco...
Só sei que muito de ti em mim
Deixaste e desse muito vivo ,
Revivo e alimento minha memória
Com nossos intensos momentos...
Sentindo em minha pele ainda calor
Onde tocaste com tua boca, meu amor!
E nessa conspiração que a vida
Tece com o tempo, com a lua
Com as estrelas, talvez
Fico aqui sonhando, desejando
Sentir teu corpo ardoroso, 
Sob meu corpo, outra vez...

Nádia Santos
05/06/14

10 comentários:

  1. Hum...A lembrança de um amor que fez a diferença está intrínseco em teus saudosos versos. Muito bom!
    Abração.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Nãdia

    A Saudade e o Amor! Muito bonito, gostei :-)

    Beijo, bom fim de semana.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Essas ausências deixadas pelo ente amado são sempre muito dolorosas quando esta pessoa foi importante para nós. O vazio chega a nos consumir, mas depois de um tempo passa e estamos prontos para sentir uma nova paixão e talvez uma nova ausência.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. partidas deixam ausências que doem =/

    Não gosto

    bjokas e um lindo fds =)

    ResponderExcluir
  5. Nádia , como diz nosso grande poeta Carlos Drummond de Andrade :
    " De tudo fica um pouco "
    Ficou em ti , com certeza , a ´poesia despertada por este amor .
    Beijos e ótimo final de semana

    ResponderExcluir
  6. Passando aqui para agradecer vossa amável visita ao meu modesto espaço.
    Tu dizes no poema que alguém deixou algo e levou outro tanto. Bem assim são as relações, pois, sempre há uma permuta, uma troca; e dessa agregação, a alma retira substancias agradáveis quando a saudade bate à porta...
    Um abraço. Tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderExcluir
  7. Um amor verdadeiro nunca se esquece e vê-se nos teus versos tão saudosos...
    beijo
    Graça

    ResponderExcluir
  8. bom dia poetisa.. o bom disso tudo é que a energia é levada e é deixada.. a dois tudo isso aflora.. ng tira a mais do outro.. bjs e até sempre

    ResponderExcluir
  9. Versos memoráveis da melhor qualidade. O bom da vida e do amor , é ter histórias pra contar. Dia azul pra ti poeta. Abçs!

    ResponderExcluir
  10. Fica sempre uma parte boa, que nos alimenta com as lembranças que vem nos assediar.
    Belo trabalho querida amiga
    Beijo

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos