segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Rio de desejos

Ah essas vontades
Loucas.... repentinas...
Que toma conta
Do meu corpo
Que me desatina
Deixando-me
Faminta... felina...
No pensamento loucuras
Querendo ser tua
Querendo-te meu!
Sentindo em minhas veias
Correndo como um rio
O desejo que acendeu
Ficando meu corpo
Desejando o teu...
Em louco cio...

Nádia Santos
23/12/13

5 comentários:

  1. Mais uma poema caliente, amiga Nádia. Um abraço. Tenhas uma boa noite.
    Desejo-te um feliz Natal.

    ResponderExcluir
  2. Oi Nádia!
    Essa foi para acordar.kkk
    Sensualíssima
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Nádia.. como controlar um desejo que nos consome né.. sempre temos de dar alimento a esta força.. bjs querida e boas festas desde já

    ResponderExcluir
  4. Ola Nadia

    Eu desejo que você e seus entes queridos um Feliz Natal e tudo de melhor para 2014.

    Caros Saudações, Joop

    ResponderExcluir
  5. Olá Nádia,um feliz e santo Natal com muita Paz para ti!

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos