segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Não existe distância...


Estamos muito distantes
Fisicamente separados
Com os corpos sofrendo
Desejando estarem colados
Confundidos totalmente,
Loucamente apaixonados...

Mas não existe distância
Se o sentimento é ardoroso...
Para ele não existe barreiras
Atravessa céus e mares desejoso
E nossas bocas se encontram
Num beijo sentido e fervoroso

Entre milhares me encontrasse
Nada impediu nossa paixão
A ti me entreguei sem limites
É forte entre nós a emoção
Sou toda tua... és tão meu...
De corpo, alma e coração!

Só tenho como testemunha
Desse intenso e louco amor
A noite, a lua e as estrelas
Que assistem a minha dor
Por não poder te entregar
Meu corpo e todo meu calor

Nádia Santos
15/12/13

8 comentários:

  1. MINHA DOCE POETIZA !!! QUE LINDO !!! VERDADEIRO !!! ME EMOCIONEI MUITO VIU !!! TE ADORO !!! UM BEIJO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  2. Não há distancia para um grande amor.
    Lindo poema.
    Agradeço ao convite das quadras,são simples mas as fiz de coração.
    bjs amiga Nádia
    Carmen Lúcia-mamymilu

    ResponderExcluir
  3. Oi Nádia,
    Perde-se um amor pela distância, perde-se pela morte, mas o que é da gente ninguém o rouba.
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  4. A distância é sempre curta quando duas almas se amam..O pensamento une os corações

    Deixo abraço
    Feliz Natal
    *****************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  5. Fabuloso
    Amei ler, parabéns! :-)

    Beijinho
    Feliz Natal

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde minha princesa poética, tudo bem linda ? Sou muito feliz em ter sua amizade, mesmo que virtualmente. Poesias que entram em meus neurônios, despertando íntimos sonhos. A distância, é o lugar que não existe, quando duas almas fogosas estão envolvidas na paixão. Lindo, lindo, lindo !

    Dan.
    http://gagopoetico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Boa noite, Nádia.Passando para desejar-lhe um feliz natal e um próspero 2014!

    ResponderExcluir
  8. Quando o amor acontece a gente esquece as distancias, mas que sofre e neste sofrer há um incremento desta paixão que faz estes gritos da alma.
    Lindo trabalho com toda força do amor que sua poesia inspira.
    Abraços amiga.
    Bjo de paz e luz.

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos