quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Sobre teu corpo...


Sinto repleto de desejo este teu olhar...
Um irrecusável e ardente convite de amor
Deixando minha boca desejosa a suplicar
Por teus beijos molhados e cheios de ardor

Presa em teus braços a sussurrar baixinho
Entorpecida e louca por teu cheiro gostoso
Sedenta me entrego a indecentes carinhos
Libertando a volúpia delirando em gozo...

Tua voz rouca soa como uma doce canção
Me toma a alma demente de um jeito lascivo
Meu corpo sedento do teu, é de ti cativo!

Teu calor inflama no meu uma doida paixão
Com louca avidez quero sorver teu beijo
E matar sobre teu corpo, todo meu desejo!

Nádia Santos

7 comentários:

  1. Escaldante... mas divino....Adorei. :-)

    Beijinho

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Oi Nádia
    Escandalosamente linda poesia!!
    UAU!
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Ai, ai, ai.... que delícia!!!
    Que tudo, que mistura de palavras, sentimentos, desejos e sensações que mexem com a imaginação da gente!
    Bom demais!
    Demais mesmo!
    E eu nessa saudade do meu Grandão... ai, ai, ai..
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  4. A Ritinha começou com ai ai, eu começo com

    Ui Ui rs...
    A sensualidade e o amor expressadas de forma tão linda.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Nossa ! Adoro ver minha amigas assim nesses ui...ui...ai...ai ...KKKKKKKKKKK
    Beijos lindas!!!

    ResponderExcluir
  6. Sensualidade, paixão e encantamento. Belo poema. Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Minha QUERIDA Nádia !!! LINDO E SENSUAL !!! AS VEZES FICO A PENSAR DE ONDE TIRAS TANTA ENERGIA E BELEZA !!! E TUDO JUNTO E MISTURADO SÓ PODE DAR EM AI AI AI !!! UI UI UI !!! rsrs QUE FELICIDADEEEEE !!!! UM BEIJO LINDA Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos