quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Deixe-me dormir...

Mais uma vez 
Ela chegou envolvente...
Toda cheia de carinho...
Abraçando-me...
Beijando-me...
Querendo me possuir
De mansinho!
Ah noite!
Por que fazes assim...
Não quero o teu beijo,
Nem o teu abraço...
Não és tu o meu desejo!
De ti o que quero,
O que preciso 
É que me deixes 
Dormir e sonhar...
Pois é nos meus sonhos
Que lindo e risonho
O meu amor
Vem me encontrar!

Nádia Santos
23/11/13

5 comentários:

  1. A eterna confidente nas suas vestes negras pontilhadas por estrelas...

    ResponderExcluir
  2. O amor sempre nos rende belas poesias...
    Amei a poesia, beijos minha linda!
    http://aspoderosas1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sempre maravilhoso.... hás-de encontrar o Amor
    Beijos


    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Lindo, amiga Nádia. Um abração. Tenhas uma boa noite.

    ResponderExcluir
  5. MINHA QUERIDA !!! ASSIM ADOCICAS O AMOR !!! MUITO BELO !!! MEU BEIJO CARINHOSO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos