terça-feira, 9 de julho de 2013

Metamorfose

Tudo que quero são nossas bocas
Unidas ardentemente!
Colar nossos corpos, um no outro
Loucamente!
Quero misturar nossas essências,
Misturar nossos suores...
Numa alquimia  harmoniosa 
E que dessa junção ensandecida
Aconteça uma metamorfose...
Entre dois corpos...
Duas almas apaixonadas...
Flutuando num universo
Onde o tempo não conta,
E cada suspiro e cada ai
Seja um ardente verso!
Nádia Santos
09/07/13


6 comentários:

  1. Lindo, minha homenagem:
    .
    Nossas bocas, ávidas de paixão
    Suores, sensação, doce beijinho
    Flutuando pelo teu nobre coração
    Unidos ardentemente pelo carinho
    -----
    O teu poetizar é maravilhoso...atrevo-me a dizer: Inigualável...Sinceros parabéns

    Deixo um bom dia

    ResponderExcluir
  2. Maravilhoso.. E quem não gostas assim de tanto carinho?

    beijos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga Nádia!

    Muito linda e apaixonada poesia.
    Gostei mesmo muito. No amor verdadeiro, os corpos unem-se e as almas fundem-se.

    Beijinhos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    http://jakeemary.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Esa Alquimia armónica que es todo sensibilidad y Pasión...Preciosas Letras llenas de Ternura y Ardor.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia!!!
    Muito amor, muito carinho, muito desejo, muita coisa boa de se sentir...
    Gostoso isso!
    beijo
    Ritinha

    ResponderExcluir
  6. Deixar que o amor flua com todos os ingredientes que fazem a metamorfose fantásticas de nossos sonhos e desejos.
    Bem assim Nádia.
    Meu abraço carinhoso de paz e luz.
    Bjo

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos