quarta-feira, 3 de julho de 2013

Estrelas

As vezes cruzam nosso caminho
Pessoas que nos arrebatam o coração
E desassossegam nossa alma e corpo.
Até que descobrimos que elas
São como estrelas... Nos ofuscam
Com seu brilho, parecem estar perto
Mas na verdade, tocá-las
Não passa de sonho...

- Um doce sonho...

Nádia santos
03/07/13


* * * * * * * * * *

Visitem meus blog de contos
e leiam minha nova história.
O ardente e apaixonante
encontro entre Lívia e Sílvio, 
que só foi possível porque ele
discou um número de celular errado.

"Doce engano"
MEUS CONTOS

*Clique no nome do blog para ler.



7 comentários:

  1. Boa tarde!!!!

    Hoje vim agradecer pela amizade
    deixar um elogio pelo post ,obrigado por estar sempre comigo

    Uma frase que gosto;

    Um verdadeiro amigo é alguém que pega
    a sua mão e toca o seu coração.

    ( Gabriel García Márquez

    Bjusss
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  2. .


    Saudade dói, mas é
    gostoso...

    Beijos,

    silvioafonso









    .

    ResponderExcluir
  3. Ese dulce Sueño que por un momento parece convertirse en plena Realidad...Precioso.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  4. Belíssimo poema... Sim, isto tem enorme fundo de verdade... As pessoas hoje estão muito egoístas, vivem somente para servirem a si mesmas...

    ResponderExcluir
  5. Um poema belíssimo cheio de realidade. Adorei ler,concordando na integra com a constatação nele inserta...

    Fique feliz, Nádia Santos

    ResponderExcluir
  6. Oi Nádia
    Nada nessa vida é impossível, temos que sonhar aquilo que realmente temos a sabedoria de discernir se é bom ou ruim para nós mesmo. Ficar na tentativa é arriscar mais um fracasso.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  7. Luz demais também atrapalha. Belo poema!

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos