quinta-feira, 18 de julho de 2013

Devaneios

Na languidez da noite,
Nas horas caladas,
Nas solitárias madrugadas
Meu corpo inspira e 
Transpira de desejo!
Sonhando com teus beijos,
Desejando as tuas mãos
Pousadas nos meus seios...
Enquanto com tua recordação
Sinto despertar meus anseios, e
Fico a delirar nessa louca paixão!
O meu corpo, seduzido e embriagado
Procura em vão o teu olhar ardente,
 Com teus lábios úmidos e quentes
A pronunciar palavras sem nexo...
Desejando teu corpo sobre o meu
E o encaixe, perfeito, dos nossos sexos.
Olho-me no espelho e vejo refletida
A imagem do meu desespero...
De te querer e não te ter... Que agonia!
Mas só assim consigo te encontrar
Nos meus devaneios...
Nas minhas fantasias!

Nádia Santos
18/07/13

6 comentários:

  1. Bom dia Nádia..teus devaneios são muito vivos e intensos.. sempre prazeroso ler-te bjs e lindo dia

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde
    .
    Cada verso que ia lendo
    Sentia o suor escorrendo
    Frio, quente, à maneira
    Chegado ao meio, estremeci
    Chegado ao último, nem li
    havia caído da cadeira.
    ......

    Que dizer deste poema e do seu teor??? Cala-te Ricardo, Lê e não digas nada, ehehehe

    Lindo,Nádia Santos.. sensual, profundo, em elevada fantasia

    Fica feliz

    ResponderExcluir
  3. Ui ui Nádia... Hummm quanta fantasia.. Adorei ler... sempre muito bons teus poemas...

    Beijo
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. oi...
    difícil querer e não ter... desejar e não ter... esperar e relembrar... devaneios e desejos guardados...
    ai..ai..ai...
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  5. Olá, Nadia
    Boa tarde.
    Um poema belíssimo.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde, Nádia. Que triste ter a pessoa amada somente em pensamento.
    Ficou lindo o poema, o encaixe perfeito, o encontro de amor, que não passou de ilusão, de um querer solitário, contudo, lindo!
    Deu para sentir daqui!
    Beijos na alma e paz!

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos