segunda-feira, 17 de junho de 2013

Ficarei uns dias fora do ar

O mundo virtual é repleto de atrativos, em todos os aspectos. Mas é um mundo ilusório também e as vezes nos empolgamos demais e... Bom, deixa pra lá. Sei que muitas vezes somos culpados sim, por alimentar sonhos, fantasias. Ninguém é culpado por nossas decepções, pois somos nós quem escolhemos nossos caminhos portanto, devemos arcar com as consequências de nossas escolhas e atitudes. Estou no momento sentindo necessidade de ausentar-me desse mundo por uns dias. Se vou sentir saudade? É claro que vou. Se vai ser difícil ficar longe de vocês, dos meus blogs? É lógico que sim, mas é preciso. Logo estarei de volta. Vou aproveitar para ler e escrever, muito. Bjus


**************************************************

Escolhi ser feliz!                                                         

Há muito já percebi que não devo esperar a felicidade em grandes acontecimentos, na realização de grandes sonhos ou pior, em príncipes encantados (que não existem, nós é que inventamos, pois são pessoas como nós, cheias de fraquezas e defeitos). Enquanto isso ficam nossos olhos encobertos para a simplicidade das coisas, das pequenas surpresas diárias e pessoas especiais que nos cercam e vão embora sem prestarmos atenção nelas... Simplesmente por estar esperando grandes fatos e pessoas incríveis... bobagem! E assim vamos deixando de viver pequenas alegrias, sem valorizarmos pessoas que talvez, fizessem grande diferença em nossas vidas.

A felicidade, tenho aprendido, é um estado de alma. Se nos permitirmos observarmos ao nosso redor, se permitirmos que nossa alma sinta, encontraremos prazer em pequenas coisas e veremos qualidades nas pessoas queridas...Acredito que felicidade é sinônimo de simplicidade e um pouco de ousadia (ou talvez muita). É preciso nos permitir senti-la e não procurá-la, pois assim, corremos o risco de está passando nesta vida, sem jamais encontrá-la...

Escolhi ser feliz... eu mereço!

Nádia Santos
17/06/13

32 comentários:

  1. Oí Nádia é uma pena que tenha tomado essa decisão,seu blog é encantador,sensual e com muita delicadeza em tudo que posta.Volte logo minha amiga,não demore,sentiremos falta dos seus poemas,sonetos,contos e quadras.

    bjs amiga
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Nádia...

    Fico com pena mas compreendo a decisão. Que as férias lhe preencham a alma e tragam Paz e harmonia ao coração

    Que a felicidade a acompanhe sempre
    .............................
    Gostaria que visitassem:
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. AGUARDAMOS SUA VOLTA COM O CARINHO MERECIDO ...
    BJSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  4. Olá Nádia... faz muito bem tb já precisei fazer isso.. aqui nos rouba muito tempo...
    já cheguei excluir conta de tudo que tinha email facebook rsrs
    normal depois reativamos pq pessoas queridas sempre querem a nossa volta.. então bom descanso e reflexoes e até a volta grande bj

    ResponderExcluir
  5. Oi Nádia!
    Se você quer descansar eu dou a maior força, mas se está a procura da felicidade, vai perder seu tempo porque ela não existe na sua plenitude. O que temos são momentos felizes que temos que curti-los.
    Você vai sentir saudades...
    E eu também...
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  6. Bom Nádia, no dia que vim conhecer seu blog, você está dando um tempo..entendo isso, deve um período que precisei me afastar..estou aguardando sua volta!!
    Parabéns pelo blog e já estou te seguindo.
    Abraços.Sandra

    ResponderExcluir
  7. UUFF sabias letras si a veces nos hace daño si lo sabré yo sin quwerer m enganché desde hace dos años uufffffff es verdad que he aprendido pero he dejado de vivir de verdad , por eso aveces me voy de las redes literarias amiga porque me quemo , me parece todo no sé vamos a decir que no es verdad y uuff fy uno va desnundando sentmientos yyyyyyyyyyy pos nada me alegra que tomes esa decición asi uno drena , sana , se enriquece y vive !! muy bueno feliz descanso, besos desde mi brillo del mar no tew olvido

    ResponderExcluir
  8. Querida Nádia, não devemos alimentar expectativas...nem esperar nada da vida, pois só assim tudo o que vier será uma benção.
    Quanto ao momento de recolhimento que necessita, todos os seus leitores a compreenderão. Todos sabemos, como às vezes esses silêncios nos são preciosos.
    Volte rápido e renovada...

    Beijinho com carinho!

    ResponderExcluir
  9. Hola Nadia, yo recién me reintegro a este mundo virtual como bien descrito está en tu entrada.
    No es fácil mantenerse, muchas veces son necesarios los paréntesis y descansar la mente. Te deseo lo mejor, estaremos esperando tu regreso, cuando tu corazón decida volver.
    Abrazos infinitos!

    ResponderExcluir
  10. Às vezes nos permitimos viver estes momentos e confesso que nos inspiram. Mas há uma vida que grita e toca na alma, esta não vive dos devaneios.
    Pare e use todo tempo para se fortalecer e voltar com toda sua arte que nos agrada e muito.
    Fique na paz Nádia.
    Sentiremos sua falta.
    Uma boa semana.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  11. por vezes é necessário...

    mas volte sempre, acho que faz falta aqui.

    um beijo

    ;)

    ResponderExcluir
  12. Quando o coração pede se tome alguma providência, devemos ouvi-lo. Fazer o que nos dá prazer é bom, mas nem sempre podemos abraçar todas as atividades. Alguns momentos para nós mesmos é essencial. Sabemos que a vida tem seus altos e baixos e que, muitas vezes, nos frustramos com as expectativas. Descanse, dirija seu olhar ao que está chamando você. E volte logo, com energias renovadas. Bjs.

    ResponderExcluir
  13. .


    Nádia, meu anjo.
    Por mais que eu me se-
    gurasse, não resisti e
    chorei...

    Não permita que o mesmo
    aconteça contigo.

    Detalhes no meu blog.

    Um beijo,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
  14. Estarei lendo seu trabalho, mas volte logo. Não se deixe desanimar. Escrever e partilhar nos engrandece.

    ResponderExcluir
  15. Todas as pessoas tem o direito de serem felizes, existe também a felicidade quando se dá preferência à infelicidade, isto é, quando alguém se torna infeliz para proteger a pessoa que ama, esse alguém, está consciente que não pode dar a felicidade a quem ama, assim sendo, dá toda a liberdade para quem ama de procurar a felicidade.

    ag

    ResponderExcluir
  16. Oi, Nádia! Tem razão, o mundo virtual é maravilhoso mas em alguns momentos pode parecer uma armadilha, onde vivemos em função do que não é palpável. Acho sábio se ausentar até que os sentimentos estejam acomodados. Se gosta de ler, sugiro o livro Tempo de esperas...me ajudou em uma fase parecida com a sua a resgatar o olhar sobre as belezas da vida e aquietar a alma.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  17. Olá amiga Nadia
    Felicidades são momentos vividos, sentidos com toda intensidade que se quer, seja aonde e com quem for, um aprendizado de ser apenas simples, por sentir a presença em nossa alma.
    Um texto poético gostoso de se ler, porque roça a nossa alma


    Se você ainda não faz parte do mosaico de parceiros,
    não perca tempo e se junte aos outros
    Link abaixo :

    Mosaico de Parceiros

    Abraços,
    Trocyn Bão - Thiago

    ResponderExcluir
  18. Nádia,amiga querida.

    Você abriu seu coração assim como faz com seus lindos poemas.

    Muitas vezes temos que nos afastar para nos reaproximarmos novamente inteiras e sem mágoas

    Tudo passa e Deus há de trazê_la de volta com muita paz e harmonia.

    Creia que continuará na minha lista de blogs favoritos.

    Até muito breve!

    Deus a abençoe.

    Beijos

    Donetzka

    ResponderExcluir
  19. Olá poetisa Nádia, e que tudo esteja bem contigo!
    Ainda que entristecido pelo motivo de ficar sem os teus belos pensamentos escritos, fico feliz por você estar buscando ter teus momentos felizes. Não se preocupe tanto, amigos, bem, o nome diz tudo, amigos são amigos em qualquer situação, e virtuais então, já estamos acostumados com esta amizade não palpável, mas deveras sentida dos amigos à distância!
    Somente desejo que retorne, e inundada destes deveras belos sentimentos que é a felicidade, e compartilhe com os amigos, claro se desejar estes momentos felizes que certamente vai viver.
    Assim desejo em teu viver sempre, toda a felicidade desejada por você, obrigado pela amizade e visitas, grande abraço, seja feliz e, até breve!

    ResponderExcluir
  20. Puxa, só hoje vi. Fiquei muito triste com essa notícia. Por que isso? Um blog tão rico desses.

    ResponderExcluir
  21. Nádia ,

    Muitas vezes precisamos levar nossa alma para passear, amiga .
    Pessoa sensível e criativa como você merece ser feliz .
    Fico aguardando seu alegre retorno .
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá amiga Nádia.

    Espero que estejas bem melhor. Entendo que precises de um tempo, às vezes é necessário afastarmo-nos para voltarmos a renascer das cinzas, tal como fénix.
    Desejo que te restabeleças breve, já sinto saudades tuas.

    Um dia feliz.

    Beijinhos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    http://janeemary.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. P. S. - Desculpa, enganei-me! É: http://jakeemary.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Meus sinceros cumprimentos Nádia,sua inspiração a cada dia que passa,fica mais bela,lírica e harmoniosa!
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Fique em paz, Nádia e volte logo. Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Sentido sua falta... mas compreendendo essa necessidade de "pousar" um pouco.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  27. Gracias, Nádia, por tus cariñosas palabras. Me encanta tu blog: es fascinante.
    Un abrazo desde Madrid.

    ResponderExcluir
  28. Também acho que a felicidade é um estado de espírito que deve ser alimentado de pequenas coisas. É a capacidade de ver sempre o copo meio cheio e não meio vazio.
    Vai... mas volta. Ainda melhor, se possível.
    Nádia, querida amiga, tem um bom domingo e uma boa semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  29. A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.
    ~Charles Chaplin
    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  30. .


    Caraca!
    Você sou eu de saia...
    A gente pensa muito igual,
    sabia?

    Adorei conhecê-la, tá?

    Uma beijoca. Já tô se-
    guindo o blog.

    silvioafonso







    .

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos