terça-feira, 25 de junho de 2013

Devassidão

Nas madrugadas caladas e de calor
Minha mente desenha tua imagem
Que em instantes provoca-me um ardor
Convidando meu corpo à vadiagem...

E com minha pele despida das vestes
Dos pudores, dos tabus, da opressão
Fecho os olhos, o desejo me enlouquece
E imagino que cada toque é tua mão...

Sinto tua forte presença ao meu lado
Um arrepio invade-me e descontrolado
Deixa o corpo e a alma em excitação...

E vou vendo o céu e as estrelas tão perto
Por um momento não estou só no deserto
E com loucura entrego-me a devassidão.

Nádia Santos
20/06/13



11 comentários:

  1. Oi, Nádia! Que ótimo saber que voltou! Estava sentindo falta dos seus sonetos, sempre precisos e inspirados. Adorei este, como sempre. Parabéns!

    Bjos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  2. Nádia Santos

    Um poema fascinante, cheio de sedução e entrega. Quem não gosta de ler poesia tão como esta? Decerto que não existirá ninguém

    Parabéns. Simplesmente MARAVILHOSA
    ******************************
    Visitem-me

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Oi Nádia
    Poesia sensualíssima e cheia de amor
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  4. Sensualidade e sedução..
    fantástico.Adorei ler..
    beijo

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/2013/06/a-danca.html#comment-form

    ResponderExcluir
  5. Faz falta em nossas vidas algo de devassidão.
    Um forte abraço

    ResponderExcluir
  6. Oi amiga Nádia, tudo bem? Ficou maravilhoso teu soneto, adorei. Receba meus sinceros parabéns. Gostaria de agradecer tua visita e comentário em meu blog: Obrigado. Eu já viria te avisar da minha volta, mas que bom, você descobriu antes. Voltarei em breve. Grande abraço do amigo Marcos. Até mais.

    ResponderExcluir
  7. Minha querida
    Sensualidade e sedução. A marca dos teu belíssimos versos numa doce entrega
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. .


    Enquanto eu fico na janela
    a espera de Chico e Carolina...

    Um beijo,

    silvioafonso








    .

    ResponderExcluir
  9. Bom dia Nádia... tuas poesias sempre são muito fortes e cativantes.. elas nos deixam com a mente a queimar adoro teu jeito lindo de poetar bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá amiga!
    Fico feliz que estejas novamente aqui connosco e trazendo mais um poema cheio de paixão!!!!
    Amei!!
    bjs
    anacosta

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos