segunda-feira, 20 de maio de 2013

(Re) nascimento

Uma onda inexplicável de sensações
Apossa-se de todo o corpo
Causando um entorpecimento
Que domina todos os músculos, 
Atiçando todos os sentidos
Fazendo o sangue correr ardente e
Loucamente nas veias 
As entranhas se contorcerem
O coração quase parar
A respiração ofegante
O peito arfando até que acontece
A explosão do prazer intensamente,
Fazendo os corpos desabarem...
Exaustos, porém saciados
Morrendo temporariamente,
Na espera do (re)nascimento 
De um novo querer,
A qualquer momento,
Que alimenta a chama do viver. 
- Preciso morrer no teu sentir
  Para renascer aos pés de ti.
Nádia Santos
Recife – PE
14/05/13









16 comentários:

  1. Bom dia !!!!!!!!!!!!!
    (Re)nascimento!
    Tudo vira poesia em suas mãos ...bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É a arte do poeta, transformar tudo em poesia. Bju e obg Severa.

      Excluir
  2. Um momento gratificante, lindamente descrito. Parabéns pelo poema!

    ResponderExcluir
  3. Oi Nádia

    Que loucura de amor! Uau...
    Você a descreve divinamente
    Parabéns poetisa
    Beijos
    Dorli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Dorli, obrigada amiga, bjus.

      Excluir
  4. Respostas
    1. Uma entrega é sempre cheia de sensualidade e paixão. Obg Sol.

      Excluir
  5. Descrição das sensações sentidas, perfeito.

    ag

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quase perfeito Antonio... quase. Obrigada e um bjinho pra ti.

      Excluir
  6. Ela se desescondia dele. Inesperavam-se?
    O moço compreendeu-se. Aquilo mudava o acontecido.


    |Guimarães Rosa - Primeiras Estórias|


    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Ela se desescondia dele". Gostei dessa frase Margoh, pra mim, perfeita e oportuna. Bjinhos.

      Excluir
  7. Momento belo eternizado nas palavras doces de teus versos. Gostei demais Nádia! Gr. Bj.!

    ResponderExcluir
  8. Otima construção,intensa e bela no renascer que abrasa e faz loucuras no corpo.
    Lindo demais.
    Abraços.
    Bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg Toninho por suas palavras, bjus querido.

      Excluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos