terça-feira, 19 de março de 2013

Palavras pra quê? (reedição)

Debruças teu corpo sobre o meu
Quero que seja o meu cobertor
Aquece este meu corpo que é teu 
Quero sentir todo... todo teu amor

Quero que me aperte... fico louca!
Quero tuas mãos me envolvendo
Enquanto sinto o gosto de tua boca
Vai aos poucos meu prazer acendendo

Aperta-me... sufoca-me lentamente...
Toma-me com fúria e apaixonadamente
Palavras pra quê? Desejo apenas sentir... 

Se diz tudo, meus sussurros e meus beijos
Entregando-me inteira aos teus desejos
Mata-me de amor... sou toda de ti!

Nádia Santos
18/10/11


10 comentários:

  1. Oi, Nádia! Para mim, é sempre um prazer vir ler seus poemas. Este soneto está maravilhoso, parabéns! Muito obrigado por nos brindar com seu talento.

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga, ótimo pst, seu blog é lindo!
    Tenha uma ótima semana, beijos e fica com Deus!

    ResponderExcluir
  3. Boa noite amiga poetisa!Meus cumprimentos por texto tao intenso e apaixonante de amor ardente e intenso em toda sua plenitude e vigor!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá Nádia!
    Este é um poema cheio de sensualidade e beleza.
    Não o tinha lido antes.
    Também estou a repetir alternadamente os meus poemas e quadros ou fotos minhas que mostrei no princípio do blog, quando nada sabia do seu funcionamento e não tinha seguidores.
    Abraços.
    M. Emília

    ResponderExcluir
  5. Lindo e muito caliente, Nádia!
    Amo ler-te!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Cuanta energía y pasión en tus letras Nadia, siempre es un placer disfrutar de tus entradas!
    Abrazos infinitos.

    ResponderExcluir
  7. OI NÁDIA!
    TEU TEXTO É LINDO.
    ACHEI LEGAL REEDITARES, GOSTEI DA IDEIA POIS, NO INÍCIO DO BLOG, EU TINHA POUCOS SEGUIDORES TAMBÉM, ENTÃO DE VEZ EM QUANDO SE PODE COLOCAR ALGO MAIS ANTIGO, MUITO BOM.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  8. Olá Nádia!
    Um poema que nos envolve com a sua sensualidade.
    Gostei muito.

    Deixo um beijo com carinho

    Sónia

    ResponderExcluir
  9. Nádia,

    Amo as palavras, mas tem momentos que elas são totalmente dispensáveis, esse do amar é um deles... Lindo poema! Gr. Bj.!

    ResponderExcluir
  10. PERFEITO E SENSUALMENTE LINDO AMEI !!! BEIJO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos