quarta-feira, 20 de março de 2013

Já não te quero...


Por que insistes tanto em ficar?
Já disse tantas e tantas vezes
Vai depressa embora, vai enfim
Já não te quero perto de mim!

Vivo a chorar, sempre entristecida
Há muito tempo me fazes cativa
Imploro a todo instante tua partida
Mas tu permanece aqui, bem viva

Não te afastas, ficas à espreita
Como predador vigiando a presa
Esperando o momento preciso
Em que me entrego às fraquezas

Queres me abraçar, me beijar
E minha alma, assim, carente
Parece inteiramente se entregar
Ao teu assédio persistente...

Não! Não me pedes para ficar
Preciso urgente de ti me apartar
Se estás por perto fico infeliz
Quero e preciso de ti me afastar...

Ah solidão cruel e perversa
Será que não percebes nada?
Se desapega de minha alma
Pois agora... ela está apaixonada!
Nádia Santos
Recife-PE
13/09/11

*Reeditada

6 comentários:

  1. Folhas de Outono está aqui,para ler mais uma postagem que escreves com maestria e aproveito para parabenizar o dia do Blogueiro,então nada mais justo do que vir até aqui para parabenizá-los.
    Que continuemos, por muitos e muitos anos,
    colaborando com uma Blogosfera ética,
    sem plágio e unida.
    Um viva pra você e um viva pra todos nós !!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Nádia! Mais um belíssimo poema, parabéns! Não me canso de admirar e elogiar a sua produção literária, já internacionalmente reconhecida. Muito obrigado por compartilhar estes belos textos.

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Nádia!
    Até para uma poesia de solidão você faz suspense. Lindo!!
    Solidão, eu não gosto dessa palavra...dói por dentro.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  4. Oi amada, já estava neste blog, por este meu perfil que inclui dois blogs meus" AMIGOS QUE FICAM! e Amigos Virtuais!
    Te beijo.
    Belos poemas,
    Parabéns amiga!
    Cheiros
    Eu! Leilinha

    ResponderExcluir
  5. Lindo para um desapego, tudo tem um tempo....
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  6. Linda Poetiza ...Fiquei muito encantado ...que letras são essas !!!Um beijo Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos