sábado, 16 de fevereiro de 2013

Medo de te perder...

Sempre que te vejo meu amado
Ilumina-se todo o ambiente
Os temores fogem desesperados
Feliz palpita o coração ardente!

Minh'alma eleva-se intensamente
Quando vejo no teu olhar paixão
Meus olhos te fitam languescente
Vibrando meu corpo de emoção!

Mas por vezes fico assustada...
Abraço-te forte, não digo nada
Com um medo doido de te perder...

E este medo invade-me a alma
Ficar sem ti, tira-me a calma
Seria triste demais o meu viver...

Nádia Santos
31/01/13

*Imagem do Google

20 comentários:

  1. Minha querida Nádia

    Que hino de amor no teu poema, adorei ler e desejo que se eternize no tempo.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    O blogue está lindo.Adorei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada minha querida poeta Rosa Maria, bjusd neste coração.

      Excluir
  2. BOA NOITE AMADA POETISA !!!!
    LINDAS E SENTIDAS PALAVRAS NESTE BELÍSSIMO POEMA ...
    BJS DE DIA DE DOMINGO !!!!!

    ResponderExcluir
  3. Bom dia minha linda... estar com quem amamos é gostoso por demais né?
    Os momentos se tornam mais lindos..
    Pensar em perder aquilo que nos trás felicidade é de doer..
    Um super beijo minha linda e um domingo mais que especial viu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amiga, as vezes bate um medinho... Obg e bjus pra ti visse!

      Excluir
  4. Querida Nádia, por ter este medo , perdi...

    Deixo o meu carinho.


    Bom domingo!!
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana minha flor, as vezes, este medinho nos assombra, mais isso é fraqueza, eu reconheço, afinal não sou perfeita... ninguém é sempre, uma rocha inabalável. Bjus

      Excluir
  5. Gosto dos contextos belos...

    Brilhante!

    Tenha um bom domingo.

    ResponderExcluir
  6. Que belo soneto, Medo de te perder...Amiga Nádia parabéns!

    E este medo invade-me a alma
    Ficar sem ti, tira-me a calma
    Seria triste demais o meu viver...

    Ah que lindo.
    Estava com saudades de você, te ler é muito prazeroso,você cria maravilhas! viu?

    BJS no coração!

    Maria Machado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc é um amor Maria querida amiga, obg por suas palavras. Bjus!

      Excluir
  7. E quando o tema é o amor... sentido na pele em versos por demais sinceros e revestidos de sentimento poético...há um deslumbramento que nos conduz a um mundo onírico, onde nada mais existe...

    Grata por este momento tão sublime querida Nádia! Deixo beijinhos...:)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que que te agradeço por tão lindo comentário, um bj pra ti querida Cristina.

      Excluir
  8. Realmente, o medo desta perda é desconfortante. Lindo poema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes um pequeno motivo faz acordar a insegurança que junto trás o medo. Obg por sua visita 5n3v35.

      Excluir
  9. MUCHOS SENTIMIENTOS QUE ENAMORAN.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  10. Oi, Nádia
    Nós aprendemos a perder nosso amor só para a morte, para outra mulher é muito humilhante e dolorido. Quem morreu sabemos que não volta mais, mas aquele que está vivo pode passar a nossa frente com outra, dilacerando o nosso coração.
    Sinceramente não sei o que pior
    Obrigada
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  11. Declaradamente o amor invade e faz posse e fica dificil se imaginar sem ele.Linda e inspirada,declarada inspiração.
    Otima construção Nadia.
    Abraços com carinho amiga.

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos