terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Teu convite

Sentado, estendes os braços para mim
Olhando-me com aquele ar, malicioso
Com as mãos, convida-me, acenando
A sentar-me no teu colo, tão gostoso...

Mas que depressa o convite é aceito...
Com o corpo já em frêmitos de desejo
Comodamente, com carinho e com jeito
Sou recebida, com afago e doce beijo

Sinto-me rainha, a desejosa do meu rei
Tua soberana... a mais feliz e realizada
Sem temores, problemas, tudo esquecerei
Sinto tuas mãos no meu corpo agitadas...

Elas seguem... desbravando caminhos
Arrancando de minha pele leve arrepio
A boca tatuando meu corpo devagarinho
Já sou mais que rainha, sou fêmea no cio!

Nádia Santos
20/01/13










9 comentários:

  1. Nádia, querida amiga,
    Uau!!! Um show de poesia sensual com um fecho inspiradíssimo!!!
    ADOREI!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vilma querida muito obg minha linda. Bjão

      Excluir
  2. Sensualidade pura é o que exala teus belos versos. maravilhoooso. Tenha um lindo dia. Beijokas

    ResponderExcluir
  3. Umas poesia bonita, plena de sensualidade.
    Beijos.

    ResponderExcluir

  4. Olá!Boa tarde!
    Nádia
    Moça...Tudo bem?
    Wow...
    Do convite feito, loucura...
    O alívio é a porta, o corpo é cura
    No corpo os beijos livres se ajustam
    Essa tua avidez que não te segura...
    Gostosas essências em fluídos misturam.
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Bela semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. NÁDIA,

    e quando uma fêmea no cio tem a sensação do seu verdadeiro reinado, então fez-se e em definitivo,dos homens, seus vassalos.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  6. Nádia lindo demais..

    Sinto-me rainha, a desejosa do meu rei
    Tua soberana... a mais feliz e realizada
    Sem temores, problemas, tudo esquecerei
    Sinto tuas mãos no meu corpo agitadas..

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos