quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Nosso ninho


Bem ali... nosso ninho, nosso quarto
Naquela imensa cama, forte e macia
Palco de nossas ensandecidas loucuras
Libertamos todas as nossas fantasias
E o prazer e a volúpia,  tem total abertura!

O ar está impregnado como nosso amor
Nas paredes gravadas aventuras ardentes
O teto é nosso deslumbrante céu particular
Onde vemos estrelas piscando, reluzentes
Testemunhas de um louco e imenso amar!


Nádia Santos
10/01/13

7 comentários:

  1. Sinto-me privilegiado porque testemunha de um belo amar em forma de poesia! Abraços, Nádia!

    ResponderExcluir
  2. Quando o amor se faz presente,acontece de todo ambiente imregnar-se destes desejos e perfumes.Amar é a explosão sublime do sentimento numa bela cumplicidade,que faz esta felicidade.
    Belissimo e quente poema.
    Arte bela Nadia.
    Meu carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Toninho fico sempre feliz com sua visita amigo. Um bj

      Excluir
  3. Olá , Nádia

    Um ninho de amor é uma intimidade guardada que a nossa lembrança transforma em cheiro , cor, imagem, gestos e sensações... Belo texto.
    Agradeço pelas visitas e comentários.

    Abraço,

    Aureliano

    ResponderExcluir
  4. Quando a paixão
    é pichada na parede
    e se torna versos
    de um poema apaixonado
    aí é puro lirismo
    são as roupas rasgadas
    o coração alucinado
    pura perdição.

    Luiz Alfredo - poema

    ResponderExcluir
  5. Olá amiga querida...
    Vc como sempre nos levando a este lindo universo de amor e poesias.Nada como um ninho de amor cheio de carinho, ternura, romance e intimidade. Lindo texto amiga, mais uma vez estas de parabéns ;)

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos