sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Triste(za)

Oh Pai bondoso que estás no céu!
Hoje me cobriu a alma um escuro véu...
Despertou aquela que tento sufocar
Aquela que desdenha da certeza
Aquela que se abraça à incerteza
Que despreza o riso e prefere chorar...

Oh Pai misericordioso quero beber o mel
Afasta de mim, depressa, esse cálice de fel!
Afasta de mim vultos e o mal pensamento
Que estão a me envolver insistente
Não permita que a eles me entregue demente
Faz-me forte para sair desse triste momento!

Não quero alimentar tristes lamentos
Mas eles persistem, num verdadeiro tormento;
Sei que Ele escuta todas as criaturas...
"Não me deixe cair em tentação..."
Vou rogar aos céus, em sentida oração
Para levar de minh'alma as amarguras!

Nádia Santos
São Luis-MA
02/11/12

7 comentários:

  1. Nádia amiga que forte e bela oração ...de fato o que houve amiga amada ...!!! Hei Pedro esta aqui viu ...Um beijo Grande Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem dias que estamos mais sensíveis e qualquer coisa nos deixa triste.... foi amigo, vai passar. Obg pelo seu carinho, um bj e lindo domingo!

      Excluir
  2. Nadia, querida amiga, uma forte oração que certamente chegou ao Pai!!Ele sabe o quanto somos frágeis! Linda poesia de fé!! Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg amiga Vilma, certamente que chegou eu creio. Bjinhos

      Excluir
  3. Nadia, agradeço mais uma vez os selinhos e já postei ainda agora. Espero que goste do carinho que deixei por lá. Estava olhando e vi você no face. Não é minha amiga por lá mas não posso lhe adicionar porque estou impossibilitada, de castigo... Se puder me adiciona rsrsrs
    Lindo sábado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok amiga passarei por lá e quanto ao Face, pode deixar vou te add. Bjus

      Excluir
  4. Que pena que estavas triste quando escreveste esta linda poesia, mais a fizeste maravilhosamente. Tua tristeza foi poeticamente descrita de maneira que enche nossos olhos ao ler. Bjus linda! E pará de tristeza.

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos