quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Uma história de amor












Vem, amor... - José João

Vem, amor, não me faça esperar tanto
Não sei quem és ou onde possas estar
Mas sei que existes, meu coração diz
Te espero. Um dia haverás de chegar

Sinto teu perfume na brisa leve do mar,
Vejo tua silhueta no horizonte desenhada
Como se fosses um anjo, caminhando devagar
Me ensinando o doce prazer de esperar

Á! amor, que bom seria te botar no colo
Te fazer canção, até cantar pra você dormir
Velar teu sono e no teu sonho te ver sorrir

Vem, amor... há quanto tempo te espero tanto!
Gastei todos os sonhos pra sonhar contigo
Agora, amor... me resta apenas te ver comigo

*************************************************










...cheguei! Sou teu presente - Nádia Santos

Me perdoa amor por ter te feito esperar tanto
É que eu também estava louca te procurando
Sei que por vezes duvidaste de minha existência
Mas eu exito! Espera amor, estou chagando!

Pedi tantas vezes a Deus para te encontrar...
Que minha alma saia totalmente desesperada
Enquanto dormia, meu corpo ela abandonava
E a procura da tua, ela saia desarvorada...

Amor, espera... continua sonhando!
É que encontrei dificuldades no caminho
Não demora e logo estaremos, enfim, juntinhos!

Agora esquece amor, todo tempo de espera
Olha pra mim... cheguei! Sou teu presente
Te amo, e juntos ficaremos eternamente...

São Luis-MA
22/10/12

2 comentários:

  1. Nádia minha linda não posso deixar de me emocionar com tantaaaaa beleza...e melhor sei que ér verdadeira não apenas uma criação é um AMOR REAL ...E LINDO parabéns aos dois de todo coração do amigo que muito os gosta e admira Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um amor realmente amor, lindo, verdadeiro e sólido. Obrigada pelo carinho Pedro

      Excluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos