quinta-feira, 20 de setembro de 2012

No céu...


Nada é criado em vão...
Tudo tem sua finalidade
Hoje compreendi então
Foram criadas minhas mãos
Para te proporcionar felicidade

Não se engane com sua aparência
De fraqueza e fragilidade
Elas podem demonstrar inocência
Dóceis, se derramando em carência
Ou se vestir de intensa sensualidade

Podem ter da seda a maciez
Te acariciando vestida de malícia
Imponentes, cheia de altivez
Mas podem com toda insensatez
Te enlouquecer com suas carícias...

Elas sentiam que algo lhes faltavam
Até descobrirem para que foram criadas
E toda felicidade de que precisavam
Acharam no céu, onde agora mergulhavam
Que é teu corpo, onde se sentem realizadas!

Nádia Santos
20/09/12


Um comentário:

  1. LINDO MINHA QUERIDA ...RECHEADA DE VERDADES ... PALAVRAS ACERTADAS ...UM GRANDE BEIJO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos