terça-feira, 28 de agosto de 2012

Gostoso pecar

Quando cedo despertei, tu já havias partido...
Mas deixastes em nossos lençóis impregnados
Teu cheiro de homem, teu perfume preferido...
E no meu corpo deixastes teus beijos tatuados

Ainda sinto, no meu corpo, o calor do teu olhar
Provocando-me calafrios, causando-me arrepios
Tão faminto, voluptuoso, envolvente, indecente
Minh'alma e corpo estremeceram em louco cio

Ah que delícia és tu meu amor, minha vida!
É tão gostoso contigo, deliciosamente, pecar!
É alucinante e intenso o teu jeito de me amar...

Deixa-me, esperando, com minha breve saudade
Que me consome, lentamente, em horas sem fim
Porque somente à noite, tu retornarás para mim!

Nádia Santos
28/06/12


Um comentário:

  1. Nádia gostei muito , bonito e corajoso Com carinho Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos