terça-feira, 17 de julho de 2012

Cama vazia


Deito-me...
Minha cama vazia e fria 
É a triste certeza de que 
Falta você em minha vida. 
Nesse espaço tão imenso 
Apenas a solidão me abraça. 
Fecho os olhos e com minhas 
Mãos te busco aflita, 
Na esperança de que
Como num sonho maravilhoso, 
Eu sinta enfim o calor do teu corpo. 
Mas só um grande vazio
É minha cama e minha vida. 
E o que me resta? Então choro!
Chorando adormeço...
Adormecendo, sonho... 
Sonhando, te encontro...
E nesse encontro 
Jogo-me em teus braços.
Sinto teus carinhos 
E teus beijos apaixonados.
Não existe tristeza, nem solidão. 
O que há é muito amor e muita paixão
Entrega, desejo, tesão. 
Eu e você... Você e eu...
Nos amando até o dia amanhecer...
Amanheceu! Foi mais um sonho.
Quem sabe nesse presente 
Eu possa ser tua e você meu...

Nádia Santos
Recife-PE
06/05/11

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tua visita e teu comentário são para mim motivos de alegria e são muito gratificantes, mas por favor, procure comentar apenas o conteúdo da leitura. Espero que encontre aqui algo que te conforte e te deixe com a alma mais leve ou... ardente. Volte sempre! Com carinho... Nádia Santos